PF cumpre 6 mandados de busca e apreensão em Araguacema para desarticular suposto esquema de direcionamento de licitações

Operação da Polícia Federal deflagrada na manhã desta quinta-feira, 15, cumpre seis mandados de busca e apreensão em Araguacema. Batizada de Alcateia, a ação visa desarticular possível organização criminosa suspeita de fraudar licitações e desviar recursos através de diversos contratos públicos.Direcionamento de contratosA investigação teve início após terem sidos constatados indícios de que as licitações estariam sendo direcionadas a determinadas empresas que estariam vencendo uma série de concorrências no município, algumas delas vinculadas a administração e outras supostamente “fantasmas”, algumas delas já investigadas em outras operações. O grupo criminoso atuaria através do direcionamento de contratos para empresas ligadas aos administradores e da exigência do pagamento de propina das demais, utilizando, inclusive, servidores para executar alguns contratos.Prejuízo de mais de R$ 2 milhõesA Polícia Federal afirma que as investigações apontam um prejuízo de aproximadamente R$ 2 milhões aos cofres públicos federais, contudo, como foram identificados fortes indícios de desvios em contratos financiados com recursos de outras fontes, o prejuízo causado pode ser ainda maior.CrimesOs investigados poderão responder, nas medidas de suas responsabilidades, pelos crimes de fraude à licitação, peculato, organização criminosa, corrupção ativa e passiva e lavagem de dinheiro.

Comentários

comments

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *