Prefeito de Araguanã morre aos 54 anos, vítima da Covid-19 no Tocantins

Morreu neste sábado (11), Hernandes Neves de Brito, prefeito de Araguanã no Norte do Tocantins.  O gestor faleceu vítima de complicações em decorrência da Covid-19. De acordo com informações apuradas pela Agência Tocantis, o gestor começou a apresentar os sintomas da doença no dia 8 do mês passado, quando procurou atendimento em uma unidade de saúde da cidade.

Após testar positivo, o prefeito precisou ser internado e passou por duas transferências, sendo uma para o Hospital Regional de Xambioá e depois para o Hospital e Maternidade Dom Orione – HMDO, em Araguaína, onde permaneceu internado vindo a falecer neste sábado.

Na época em que o diagnóstico veio a público, a secretária de saúde de Araguanã, Iracema Lopes da Cruz, informou que a primeira-dama da cidade, Rosineire Silva de Sá (53 anos), também testou positivo para a Covid-19, porém apresentou sintomas leves e seguia em isolamento domiciliar.

De acordo com o boletim epidemiológico mais recente da Secretaria Estadual de Saúde (SES), Araguanã tinha 42 casos confirmados do novo coronavírus e 1 óbito, com a morte do gestor o município agora contabiliza 02 óbitos e um total de 43 pessoas infectadas com a doença.

Com o afastamento de Hernandes por problemas de saúde, o presidente da Câmara Municipal da cidade, Cícero Cruz de Araújo (PDT), assumiu interinamente a gestão do município, mas morreu no último dia 26 depois de passar mal em um restaurante de Araguaína.

Cícero era presidente da Câmara Municipal da cidade. Ele estava a frente da prefeitura porque o prefeito eleito em 2016, Fernando Luiz dos Santos (PSD) renunciar o mandato por problemas pessoais. Com a desistência dele, o então vice Hernandes Neves de Brito, conhecido politicamente pelo nome de Hernandes da Areia, se tornou prefeito em 2017.

Diante da série de fatalidades, quem atualmente está à frente da prefeitura de Araguanã é a vice-presidente da Câmara, vereadora Irene Duarte.

Após tomar conhecimento da morte do prefeito Hernandes Neves de Brito, o vice-governador do Tocantins Wanderlei Barbosa emitiu uma nota de pesar e lamentou a morte repentina do gestor. Confira abaixo a íntegra da nota.

Foi com profundo pesar que recebi a notícia do falecimento do prefeito de Araguanã, Hernandes Neves de Brito, de 54 anos, ocorrido neste sábado, 11.

Neste momento de dor e muita tristeza, me  solidarizo aos familiares, amigos e demais cidadãos enlutados de Araguanã ratificando nosso voto de pesar pela grande perda e agradecimentos à dedicação e trabalho prestado ao Município.

Que Deus em sua infinita bondade conforte a todos neste momento tão difícil.

Wanderlei Barbosa

Vice-governador do Tocantins

Comentários

comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *