Aparecidense elimina Ponte preta da Copa do Brasil

Jogando diante dos seus torcedores, a Aparecidense recebeu nesta terça-feira (12) a equipe da Ponte Preta no estádio Annibal Batista de Toledo, em Aparecida de Goiás, em jogo válido pela 1ª fase da Copa do Brasil 2019.

O Camaleão abriu começou tomando a ofensiva estando ciente de que apenas a vitória interessava para a classificação, e chegou ao gol aos 27 minutos da primeira etapa, onde Uederson recuperou a bola ainda no campo de ataque e chutou de fora da área, contando com um desvio na defesa da Ponte Preta para acertar o ângulo do goleiro Ivan.

Após o gol, a Ponte Preta até tentou buscar o ataque na tentativa do empate, porém a Aparecidense se portou bem e segurou todo o segundo tempo, inclusive criando melhores oportunidades que a própria Macaca que buscava o empate.

O LANCE POLÊMICO

Numa complicação do trio de arbitragem cearense, aos 44 minutos da segunda etapa, um lance extremamente polêmico gerou uma confusão no gramado. Cruzamento pela direita e após finalização bem defendida pelo goleiro Pedrão, Thalles pegou o rebote que também foi defendido por Pedrão, a bola bateu na trave e Hugo Cabral em posição irregular empurrou para as redes. O árbitro Léo Simão Holanda a princípio validou o gol, no entanto após mobilização dos jogadores da Aparecidense, confusão em campo onde até a polícia precisou ser chamada para acalmar os ânimos.

Confusão em campo devido após gol anulado pelo árbitro. Foto: divulgação/twitter

© Fornecido por Goalmedia Tecnologia e Marketing Digital Ltda. Confusão em campo devido após gol anulado pelo árbitro. Foto: divulgação/twitter

 

Após a decisão de voltar atrás da arbitragem e anular o gol da Ponte Preta, foi a vez dos jogadores da Ponte Preta se revoltarem e cercarem o árbitro, em uma confusão que durou mais de 15 minutos, o árbitro assinalou o impedimento, dando cinco minutos de acréscimos, em que ainda houve tempo de Arnaldo levar o cartão amarelo e ser expulso.

Ao apito final, a Aparecidense confirmou a vitória por 1 a 0 e garantiu sua segunda classificação consecutiva para a segunda fase da Copa do Brasil.

No fim do jogo, com toda a confusão causada pela arbitragem que já vinha cometendo erros técnicos durante toda a partida, a Aparecidense novamente fez história ao eliminar a Ponte Preta e classificou-se para a segunda fase da Copa do Brasil, aguardando agora o vencedor do confronto entre Bragantino-PA e ASA-AL, que será realizado amanhã, às 15h30, horário de Brasília.

Comentários

comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *