Ex-primeiro-ministro do Paquistão é preso

Nawaz Sharif foi condenado a 10 anos de prisão por corrupção

As autoridades anticorrupção do Paquistão prenderam nesta sexta-feira (13) o ex-primeiro-ministro Nawaz Sharif (2013-2017) e sua filha, Maryam Nawaz, em Lahore.

No último dia 6, um tribunal condenara o ex-premier a 10 anos de prisão por corrupção, após ele ter sido destituído, em julho de 2017, quando a Suprema Corte cassou seus direitos políticos.

O caso em questão diz respeito ao escândalo “Panama Papers”, que mostrou que Sharif tinha empresas não declaradas em paraísos fiscais.

Já sua filha foi sentenciada a sete anos de cadeia, também por causa dos “Panama Papers”, enquanto seu marido, Mohammad Safdar, pegou um ano de prisão por ter dado depoimentos falsos.

*Com informações da Ansa.

Comentários

comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *