Ex-servidor que jogava futebol durante expediente será investigado

Atleta era contratado do Ceilândia Esporte Clube

ex-servidor do gabinete do deputado Juarezão (PSB), Gustavo Araújo Passos, está sendo investigado pela Câmera Legislativa por treinar e jogar pelo Ceilândia Esporte Clube no horário do expediente.

De acordo com o Metrópoles, o salário de Gustavo como servidor era de R$ 2.567,02 mensais. O jogador, o chefe de gabinete do parlamentar e o clube terão dez dias para se manifestar. A ordem foi determinada pelo presidente da Casa, Joe Valle (PDT).

O Ceilândia deverá fornecer os contratos do atelta, para atestar quando o jogador se tornou funcionário do clube.

Na manhã desta quarta-feira (21), o deputado Juarezão apresentou um documento alegando que estava de férias no momento da contratação do ex-servidor e que, por isso, não sabia da ausência.

“A minha parte eu fiz: o demiti assim que soube da irregularidade”, afirmou Juarezão ao Metrópoles.

Em nota, o Ceilândia afirmou que nem o time, nem o atleta, irão se manifestar sobre o caso.

Notícias ao Minuto

Comentários

comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *