Desembargador manda prender de novo assaltantes que mataram sargento da PM

Um desembargador do Tribunal de Justiça do Amazonas revoga a liberação dos 3 assassinos do sargento aposentado da Polícia Militar do Amazonas, Luiz Carlos Costa.

O crime aconteceu na Loja TV Lar da Zona Leste de Manaus, na noite da última quarta-feira.

A família do policial militar confirmou a decretação das três prisões preventivas e pede a quem souber do paradeiro dos três assaltantes que comunique ao policial mais próximo.

 

Os três envolvidos na morte do sargento da reserva foram colocados em liberdade pela juíza de Direito Ana Paula de Medeiros Braga, na tarde da última sexta-feira, na audiência de Custódia no Fórum Henoch Reis.

Revoltada com a decisão, a família e amigos do sargento assassinado lembraram que a magistrada foi transferida pelo o STJ de Coari por estar privilegiando o ex-prefeito Adail Pinheiro, em troca de favores.

A família do sargento solicita a quem souber onde estão os assaltantes assassinos que comuniquem imediatamente a Rocam pelos números da linha direta 99280-7574/ 190 ou 181.

 

 

 

 

Comentários

comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *